Centro de Produções Técnicas

Tutor dos cursos CPT, Centro de Produções Técnicas, Viçosa - MG.

Deixe seu Comentário

Marque a caixa abaixo para validar seu comentário

 

19 comentários para “Como produzir e processar pimenta do reino”

  1. fabricio quaresma santos

    Quanto tempo dura para produzir a pimenta do reino

    1. Revista Tecnologia e Treinamento

      Olá, Fabrício!

      Agradecemos a visita e comentário em nosso site.

      Acesse o link abaixo. Você será direcionado a vários artigos CPT sobre a produção de pimenta-do-reino.

      Atenciosamente,
      Silvana Teixeira.

      http://www.cpt.com.br/busca/artigos/pimenta-do-reino

  2. Flavio

    Boa noite o meu pai tem uma propriedade de 4 alqueires mineiro situada em Uberaba MG . fiquei sabendo que a pimentas do reino é uma boa pedida para investimentos. Queria saber de tudo sobre a cultura. Quanto tempo leva pra eu começar a colher? Quais os cuidados? Tenho que irrigar ou gotejar? Tenho que adubar? Onde consigo mudas? Qual o preço da unidade? Quanto esta girando o preço do kg de pimentas do reino ? É um bom investimento? Etc.
    Desde já muito obrigado pela atenção.

    Aguardo respostas.

    SDS,

    Flávio Melo.

    1. Revista Tecnologia e Treinamento

      Olá, Flávio!

      Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. O CPT possui o Curso Produção e Processamento de Pimenta-do-reino que poderá lhe auxiliar.

      Atenciosamente,

      Ana Carolina dos Santos

  3. Edilson

    Bom dia. Gostaria de saber algumas informações sobre a produção de pimenta-do-reino.
    Minha região é norte do Paraná (É apropriada para cultivo?) Qual o tempo para colher?
    Tem bom rendimento líquido por hectare?
    Abraço.

    1. andreaoliveira

      Olá, Edilson!

      A produtividade da pimenteira-do-reino varia muito não somente em função do clima, mas também da qualidade das mudas do solo, dos tratos
      culturais e de outros fatores. A pimenteira-do-reino pode ser colhida em três épocas: a primeira ocorre no mês de junho, colhendo-se as espigas das
      flores que foram fecundadas em janeiro; a segunda época ocorre de agosto a setembro, sendo o pico da colheita; a terceira colheita ocorre de outubro a
      novembro.

      Agradecemos a visita!
      Atte.
      Andréa oliveira.

  4. Hélio Sandes

    Tenho uma propriedade de cinco hectares na região da caatinga e tenho agua para irrigar. Estou querendo plantar pimenta do reino é viável? Estou na cidade de Jequié – Bahia.

    1. silvaniateixeira

      Olá, Hélio!

      Agradecemos pela visita e comentário em nosso site.

      Pesquisadores da Embrapa-Cnptia (http://sistemasdeproducao.cnptia. embrapa.br/FontesHTML/Pimenta/PimenteiradoReino) observam que, quando são atendidas as exigências da cultura com relação ao solo, o clima da região não constitui fator limitante para o seu cultivo. No entanto, é preciso considerar a distribuição das chuvas e a disponibilidade hídrica para a cultura durante o ano, bem como a ocorrência de períodos secos e de montantes de déficits hídricos.

      A pimenteira do reino é exigente em bom suprimento de água, principalmente durante a floração e frutificação. Recomenda-se irrigar a cultura em áreas com deficit hídricos acima de 100 mm (http://sistemasdeproducao.cnptia.embrapa.br/FontesHTML/Pimenta/PimenteiradoReino).

      Atenciosamente,

  5. Nayara

    Minha amiga tem um pé de pimenta do reino.Como faço pra fazer uma mudinha desse pé de
    pimenta do reino?

    1. Revista Tecnologia e Treinamento

      Olá, Nayara!

      Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

      As plantas matrizes devem ter bom desenvolvimento vegetativo e ser produtivas, livres de pragas e doenças, escolhendo-se, preferencialmente, plantas com até quatro anos de idade.

      São utilizados somente os ramos de crescimento, que se agarram ao tutor, para retirada das mudas. Os ramos de produção não devem ser utilizados para produzir mudas, pois resultam em plantas menos produtivas. As mudas de ramos de crescimento apresentam crescimento vertical, o que é desejável para a condução vertical das plantas e maior produção. Já as mudas provenientes de ramos de produção apresentam crescimento predominantemente horizontal, dificultando a condução vertical da planta.

      O método convencional de preparo de mudas é aquele que utiliza estacas semi-lenhosas com três ou quatro nós. As hastes para estaquia devem ser retiradas de plantas jovens com dois a quatro anos de idade. As plantas matrizes devem ser vigorosas, sadias, produtivas e de bom aspacto fitossanitário.

      Estacas com boas características são provenientes de ramos de crescimento (ortotrópicos), localizados junto ao tutor e que apresentam raízes de fixação ao mesmo. Os ramos devem ter coloração verde e de 0,5 a 1,0 cm de diâmetro, preferencialmente com uma folha cortada ao meio no nó superior.

      Atenciosamente,

      Ana Carolina dos Santos

  6. aurene (aurea)

    Tenho uma propriedade com 44 tarefas e gostaria de usar 15% dela no plantio de pimenta do reino. Gostaria de saber qual valor aproximado do investimento, o tempo de colheita e retorno financeiro. Aguardo uma ajuda.
    Grata.

    1. Samia Andrade

      Bom dia, Aurene!

      O ideal é que procure o SEBRAE para fazer seu plano de negócio e saber quanto será a quantia a ser investida em seu empreendimento.

      Para aprimorar seus conhecimentos ou obter mais informações, recomendamos o Curso Produção e Processamento de Pimenta do Reino da área Plantas Medicinais do CPT, que é constituído por um DVD e um livro interativo. O Curso aborda os seguintes tópicos:

      - Introdução
      - Histórico do cultivo da pimenta-do-reino
      - Produção, exportação e consumo
      - Botânica e cultivares
      - Botânica
      - Cultivares
      - Clima e solo
      - Clima
      - Solos
      - Propagação
      - Instalações para produção de mudas
      - Preparo de mudas pelo método convencional
      - Preparo de mudas de estacas herbáceas
      - Espaçamento e plantio
      - Escolha da área
      - Análise do solo
      - Calagem (aplicação de calcário)
      - Preparo da área
      - Marcação do terreno, espaçamento e piqueteamento
      - Tutoramento
      - Abertura de covas
      - Plantio das mudas no campo
      - Consórcio com outras culturas
      - Tratos culturais
      - Proteção das mudas
      - Amarrio
      - Poda
      - Capina
      - Cobertura morta
      - Drenagem
      - Irrigação
      - Irrigação das mudas
      - Irrigação da lavoura
      - Adubação
      - Análise do solo
      - Análise foliar
      - Calagem e adubação
      - Adubação química
      - Adubação orgânica
      - Pragas e doenças
      - Pragas
      - Doenças
      - Colheita e beneficiamento
      - Época de colheita
      - Colheita
      - Beneficiamento
      - Processamento
      - Classificação da pimenta preta e da pimenta branca
      - Armazenagem
      - O problema da contaminação da pimenta-do-reino
      - Coeficientes técnicos
      - Coeficientes técnicos
      - Custos de produção e rendimento

      Após fazer o curso e ser aprovado na avaliação, o aluno receberá um certificado de conclusão emitido pela UOV – Universidade On-Line de Viçosa, filiada mantenedora da ABED – Associação Brasileira de Educação a Distância.

      Atenciosamente,

      Samia Andrade

  7. Joao carvalho filho

    Gostaria de produzir pimenta do reino aqui em Uruguaiana.
    É possível?

    1. Samia Andrade

      Bom dia, João Carvalho!

      Para produzir pimenta do reino é necessário que a região seja úmida e quente, com bastante luminosidade, temperaturas em torno de 23ºC a 28ºC e chuvas bem distribuídas durante o ano. Normalmente a planta adapta-se melhor no Norte e Nordeste.

      Para aprimorar seus conhecimentos ou obter mais informações, recomendamos o Curso Produção e Processamento de Pimenta-do-Reino da área Plantas Medicinais do CPT, que é constituído por um DVD e um livro interativo. O Curso aborda os seguintes tópicos:

      - Introdução
      - Histórico do cultivo da pimenta-do-reino
      - Produção, exportação e consumo
      - Botânica e cultivares
      - Botânica
      - Cultivares
      - Clima e solo
      - Clima
      - Solos
      - Propagação
      - Instalações para produção de mudas
      - Preparo de mudas pelo método convencional
      - Preparo de mudas de estacas herbáceas
      - Espaçamento e plantio
      - Escolha da área
      - Análise do solo
      - Calagem (aplicação de calcário)
      - Preparo da área
      - Marcação do terreno, espaçamento e piqueteamento
      - Tutoramento
      - Abertura de covas
      - Plantio das mudas no campo
      - Consórcio com outras culturas
      - Tratos culturais
      - Proteção das mudas
      - Amarrio
      - Poda
      - Capina
      - Cobertura morta
      - Drenagem
      - Irrigação
      - Irrigação das mudas
      - Irrigação da lavoura
      - Adubação
      - Análise do solo
      - Análise foliar
      - Calagem e adubação
      - Adubação química
      - Adubação orgânica
      - Pragas e doenças
      - Pragas
      - Doenças
      - Colheita e beneficiamento
      - Época de colheita
      - Colheita
      - Beneficiamento
      - Processamento
      - Classificação da pimenta preta e da pimenta branca
      - Armazenagem
      - O problema da contaminação da pimenta-do-reino
      - Coeficientes técnicos
      - Coeficientes técnicos
      - Custos de produção e rendimento

      Após fazer o curso e ser aprovado na avaliação, o aluno receberá um certificado de conclusão emitido pela UOV – Universidade On-Line de Viçosa, filiada mantenedora da ABED – Associação Brasileira de Educação a Distância.

      Atenciosamente,

      Samia Andrade

  8. luiz antonio

    tenho uma pequena propriedade no sul minas gostaria plantar pimenta do reino aproximado onze mil metros quadrado quanto gastarei no plantio ate colheita tempo ate comessar

    1. Paula Tibúrcio

      Prezado Luiz Antônio,

      Bom dia!

      Acredito que o Curso Produção e Processamento de Pimenta-do-Reino, elaborado pelo CPT – Centro de Produções Técnicas, possa lhe auxiliar em seu empreendimento. O curso é constituído de livro interativo e DVD.

      O curso aborda os seguintes assuntos:

      Introdução
      Histórico do cultivo da pimenta-do-reino
      Produção, exportação e consumo
      Botânica e cultivares
      Botânica
      Cultivares
      Clima e solo
      Clima
      Solos
      Propagação
      Instalações para produção de mudas
      Preparo de mudas pelo método convencional
      Preparo de mudas de estacas herbáceas
      Espaçamento e plantio
      Escolha da área
      Análise do solo
      Calagem (aplicação de calcário)
      Preparo da área
      Marcação do terreno, espaçamento e piqueteamento
      Tutoramento
      Abertura de covas
      Plantio das mudas no campo
      Consórcio com outras culturas
      Tratos culturais
      Proteção das mudas
      Amarrio
      Poda
      Capina
      Cobertura morta
      Drenagem
      Irrigação
      Irrigação das mudas
      Irrigação da lavoura
      Adubação
      Análise do solo
      Análise foliar
      Calagem e adubação
      Adubação química
      Adubação orgânica
      Pragas e doenças
      Pragas
      Doenças
      Colheita e beneficiamento
      Época de colheita
      Colheita
      Beneficiamento
      Processamento
      Classificação da pimenta preta e da pimenta branca
      Armazenagem
      O problema da contaminação da pimenta-do-reino
      Coeficientes técnicos
      Coeficientes técnicos
      Custos de produção e rendimento

      A ccordenação técnica ficou a cargo do Engenheiro Agrônomo Barachisio Lisboa Casali, extensionista da CEPLAC – Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira, da cidade de Ituberá, no Sul da Bahia, profissional experiente da área agronômica, com profundo conhecimento da pipericultura.

      Informações mais detalhadas sobre o curso(preço, como comprar, conteúdo, etc) poderão ser encontradas no link abaixo.
      http://www.cpt.com.br/cursos-plantasmedicinais/producao-e-processamento-de-pimenta-do-reino

      Após fazer o curso e ser aprovado na avaliação, o aluno receberá um certificado de conclusão emitido pela UOV – Universidade On-Line de Viçosa, filiada mantenedora da ABED – Associação Brasileira de Educação a Distância.

      Tel.(31)3899-7000

      Atenciosamente,

      Paula Tibúrcio

  9. aninha martini !

    obg vc me ajudou no meu trabalho
    continue assim fazendo o melhor pra todos
    ajudando sempre vc vai subir altissimo na vida
    bjoooss agradeço
    by:aninha maritini !

  10. charles alves silva

    gostaria de saber se vale a pena plantar pimenta do reino, tenho uma propriedade e gostaria de planta pimenta do reino, e os custos? a produtividade? lucro? mão de obra?

    gostaria de saber tudo isso..

    1. admin

      Olá Charles,

      Creio que o Curso Produção e Processamento de Pimenta-do-Reino do CPT – Centro de Produções Técnicas poderá esclarecer todas suas dúvidas referentes a este tipo de cultivo.

      O curso aborda os seguintes assuntos:
      * Clima e solo
      * Propagação
      * Espaçamento e plantio
      * Tratos culturais
      * Irrigação
      * Adubação
      * Pragas e doenças
      * Colheita e beneficiamento

      Informações mais detalhadas sobre o curso (preço, como comprar, conteúdo, etc) poderão ser encontradas no link abaixo. O link também contém um vídeo com diversas imagens que talvez poderão lhe ajudar.
      http://www.cpt.com.br/cursos-plantasmedicinais/producao-e-processamento-de-pimenta-do-reino

      A coordenação técnica deste ficou a cargo do Engenheiro Agrônomo Barachisio Lisboa Casali, extensionista da CEPLAC – Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira, da cidade de Ituberá, no Sul da Bahia, profissional experiente da área agronômica, com profundo conhecimento da pipericultura.

      Além deste curso, possuímos outros relacionados que poderão lhe trazer benefícios. Caso haja interesse, favor entrar em contato para maiores informações:
      Tel: (31) 3899-7000 ou MSN: sac@cpt.com.br

      Atenciosamente,
      Ana Carolina

Quer saber mais sobre os Cursos CPT?

Informe seus dados que um de nossos consultores entrará em contato com você.




Cursos: Plantas Medicinais

CPT - Centro de Produções Técnicas

Cultivo de Eucalipto em Pequenas Propriedades

Assinar Newsletter Grátis

Sugerir Matéria

Dê sua sugestão para um tema a ser publicado

Enquete sobre Agricultura

Você acha que o selo de certificação dos alimentos orgânicos aumentará seu consumo?

Ver Resultados

Loading ... Loading ...

Vídeos + Vistos

YouTube responded to TubePress with an HTTP 410 - No longer available