Centro de Produções Técnicas

Tutor dos cursos CPT, Centro de Produções Técnicas, Viçosa - MG.

Deixe seu Comentário

Marque a caixa abaixo para validar seu comentário

 

2 comentários para “Escoamento de dejetos diluídos por gravidade é o método mais indicado”

  1. Danilo Herculano

    Olá Boa tarde!

    Estou fazendo um estudo em uma propriedade rural, com a instalação de um biodigestor indiano. Gostaria de saber, se é viável a instalação de uma bomba de sucção para a retirada do biofertilizante, pois deste modo poderia também facilitar a limpeza do biodigestor.

    Att. Danilo

    1. silvaniateixeira

      Olá, Danilo!

      Agradecemos pela visita e comentário em nosso site.

      O escoamento dos dejetos diluídos, utilizando-se bombas, deverá ser adotado em locais com topografia muito plana que não permite obter um desnível
      necessário para o escoamento dos dejetos por gravidade, precisando, portanto, utilizar bombas centrífugas para conduzi-los da saída das instalações até o biodigestor. Nesse caso, deverá ser construída, abaixo do nível do solo, uma caixa coletora de alvenaria, a partir da qual os dejetos serão conduzidos
      para abastecer o biodigestor. Neste sistema, serão instaladas duas bombas, uma no início da tubulação que liga os fossos à caixa coletora e outra no início do tubo de saída dessa caixa. Assim, por ocasião da limpeza das instalações, ao serem abertos os registros existentes nas saídas dos fossos, a primeira bomba se encarregará de conduzir o material até o reservatório principal e, nos momentos de abastecimentos do biodigestor, a segunda bomba conduzirá os dejetos até a caixa de carga do mesmo.

Quer saber mais sobre os Cursos CPT?

Informe seus dados que um de nossos consultores entrará em contato com você.




Cursos: Energia Alternativa

CPT - Centro de Produções Técnicas

Assinar Newsletter Grátis

Sugerir Matéria

Dê sua sugestão para um tema a ser publicado

Enquete

Qual assunto mais interessa a você?

Ver Resultados

Loading ... Loading ...

Vídeos + Vistos

YouTube responded to TubePress with an HTTP 410 - No longer available