Recolhedora de fardos de feno reduz tempo de trabalho

Recolhedora de fardos de feno reduz tempo de trabalho. Com apenas três funcionários, a carreta é completamente carregada em menos de uma hora.

A recolhedora de fardos de feno reduz pela metade o tempo de carregamento do caminhão, além de garantir maior segurança aos trabalhadores rurais

Recolhedora de fardos de feno reduz tempo de trabalho 

Na época da estiagem, muitas regiões do país alimentam o rebanho com feno. Entretanto, após a produção dos fardos de feno, os produtores sentem grande dificuldade durante o carregamento do caminhão. Até o momento, os trabalhadores rurais têm utilizado uma espécie de garfo (forca) para espetar o fardo e arremessá-lo para cima do caminhão. Esta é uma tarefa braçal, que requer tempo e mão de obra para ser realizada.

Se existem máquinas para realizar essa tarefa? Sim, existem, mas são muito caras, o que inviabiliza a produção do pequeno e médio produtor rural. Por tais motivos, em 2011, Luiz Ataíde Scatamburlo, produtor de Santa Cruz do Rio Pardo (SP), resolveu desenvolver um equipamento inovador, que ajudasse os produtores de feno do país. Assim surgiu a recolhedora de fardos de feno.

O equipamento apresenta uma esteira vertical, que acompanha a altura do caminhão. Como é constituído de correntes reforçadas, o recolhimento do fardo é automático seguindo diretamente até a carroceria do veículo. Além de não compactar o solo, a recolhedora de fardos de feno agiliza o trabalho, "além de garantir aos trabalhadores maior segurança e conforto", completa Scatamburlo.

Tamanha é a eficiência da máquina que é possível reduzir pela metade o tempo de carregamento do caminhão. Com apenas três funcionários, a carreta é completamente carregada em menos de uma hora. Antes, eram necessários seis funcionários para realizar a mesma tarefa e em maior tempo. Portanto, tornar essa tecnologia disponível aos produtores do país é urgente.

Para isso, Scatamburlo tenta fechar parcerias com indústrias do setor para produção em larga escala. Testes a campo já comprovaram as inúmeras vantagens da recolhedora de fardos de feno. Além disso, o equipamento pode ser fabricado com baixo custo, o que o torna acessível a pequenos e médios produtores. Principalmente se for financiado pelo governo, em projetos como o Pronaf - Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar.

Scatamburlo também desenvolveu a enfileiradeira de fardos. Sua função é organizar os fardos para, em seguida, a recolhedora realizar o carregamento até o caminhão. Ambos proporcionam ainda mais economia ao produtor.

Fonte: Canal Rural.

Conheça o Curso a Distância CPT Produção e Utilização de Silagem, em Livro+DVD e Online, da Área Pastagens e Alimentação Animal, elaborado por Juliano Ricardo Resende, Especialista em Bovinocultura Leiteira.

Confira o artigo "Espécies de forrageiras: silagem de milho" e aprimore ainda mais o seu conhecimento.

Andréa Oliveira 21-11-2017 Alimentação Animal

Deixe um Comentário

Comentários

Não há comentários para esta matéria.