Canto e audição dos canários

Os canários Malinois tem menor sensibilidade auditiva em alta -frequência e cantam em frequência mais baixas em comparação aos outros canários

A audição dos pássaros está associada ao espectro das frequências de seus cantos, porém essa explicação não é bem entendida por haver espécies que aprendem a cantar.

Os canários Malinois tem menor sensibilidade auditiva em alta -frequência e cantam em frequência mais baixas em comparação aos outros canários.

Essa deficiência auditiva é constatada a partir de 20 dias de vida e decorre da menor quantidade de células ciliadas, na papila bacilar da cóclea (ouvido interno) desses canários. Diferentemente das lesões que se regeneram, provocadas nas células ciliadas pelo uso de aminoglicosídeos como a gentamicina, essas células ausentes ou lesionadas dos canários Malinois são características morfológicas de herança genética sexo-ligado. A consequência desta anormalidade é a diferença de3 níveis de audição entre o Malinois e o canário do tipo silvestre.

Se o canto ou audição é um fator dominante, qualquer indivíduo do sexo masculino possuidor de um cromossomo Z do Malinois apresentaria o canto clássico, enquanto que sendo um fator recessivo Z sexo-ligado seria necessário possuir dois cromossomos Z do Malinois. Se o fator fosse autossômico o resultado seria misto.

Pesquisas demonstram que os limiares de audição dos Malinois ficam concentrados na faixa de 1Khz e os da geração Border e 4Khz.

Os resultados comprovam também que a deficiência auditiva nas altas frequência dos canários Malinois está associada a um fator genético localizado no cromossomo Z.

O canto dos machos Malinois puros foi predominante a 1Khz enquanto os dos machos Bordes puros a 4Khz.

O limiar de audição do canário Malinois é um indicador significativo do espectro de frequência de seu canto. Uma provável explicação para essa associação é que ele aconteça durante o aprendizado, motivada pela baixa percepção dos sons de alta-frequência do canto do canário do tipo silvestre o que pode influir tantos na fase de memorização, quando os indivíduos jovens adquirem seu repertório, quando na fase motor, quando tentam reproduzir o canto dos outros canários.

No Curso Criação de Canários de Cor e Porte, elaborado pelo CPT - Centro de Produções Técnicas, você encontrará outras informações importantes a respeito de diversas características dos canários de cor de porte.

Equipe de Redação 25-10-2011 Aves exóticas

Deixe um Comentário

Comentários

Não há comentários para esta matéria.